Ilustração Lui Duarte.

‘Laudato si’ é a primeira encíclica inteiramente de responsabilidade do Papa Francisco.

 

Ele critica o desenvolvimento irresponsável e faz um apelo à unificação global das ações para combater a degradação ambiental.

 

Independente de referência direta a esse documento, desde ontem, está  acontecendo o I CONGRESSO DE GESTAO PUBLICA DE FORTALEZA, que foi aberto com uma palestra sobre o caso de Medellin, cidade colombiana que de caos em degradacao e violencia, passou a referencia em planejamento urbano, e, que, até o final do dia, ilustrará os principais projetos da Prefeitura de Fortaleza.

 

Publicada oficialmente em 18 de junho de 2015, a enciclica que tem como subtitulo ‘Sobre o cuidado da casa comum’, alerta para o fato de que, apesar de nem todos serem chamados a trabalhar de forma direta na política, no seio da sociedade, floresce uma variedade inumerável de associações que intervêm em prol do bem comum, defendendo o meio ambiente natural e urbano. Por exemplo, as que se preocupam com um lugar público (um edifício, uma fonte, um monumento abandonado, uma paisagem, uma praça) para proteger, sanar, melhorar ou embelezar algo que é de todos.

 

Acoes como essas, desenvolvem ou recuperam vínculos, fazendo surgir um novo tecido social local e desta forma, cuidamos do mundo e da qualidade de vida de todos. Estas ações comunitárias, quando exprimem um amor que se doa, podem, inclusive, se transformar em experiências espirituais intensas, encoraja Laudato si.

 

Sabendo disso, apesar do evento ter sido dedicado a servidores publicos, a partir de amanha, procura saber o que aconteceu por la.

 

Urbi et orbi e faça parte da ALDEIA GLOCAL em aldeiaglocal.com.br, afinal, quanto mais global, mais local.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *